07/01/2020

 

Com 262 ovinos inscritos – 108 galpão e 44 lotes de rústicos - começa amanhã, no parque Visconde de Ribeiro Magalhães, a 12ª edição da Agrovino de Bagé. O evento abre o calendário oficial de eventos agropecuários do Rio Grande do Sul. Promovido pela Associação Bageense de Criadores de Ovinos (Abaco) em parceria com a Associação e Sindicato Rural do município, o evento terá como primeira atividade a entrada dos cordeiros que participarão do concurso de carcaças. Os animais chegarão das 8h às 12h. O julgamento acontecerá no mesmo dia, às 14h. Ainda na terça-feira, ocorre a entrada dos animais rústicos e a galpão de todas as raças. O presidente da Abaco, Geraldo Brossard Corrêa de Mello, destaca que a Agrovino vem a cada ano demonstrando sua força, mesmo sendo um evento ainda jovem no calendário das feiras ovinas de verão. Mello reforça que o evento tem sido feito com esmero pelos envolvidos e que tem sido estratégico na temporada para a comercialização de exemplares. A Agrovino também é palco de mostras de raças e de exposições nacionais de raças, como a da raça Romney Marsh, que é realizada pela segunda vez em Bagé. O dirigente e produtor aponta a relevância que a Agrovino vem conquistando com a participação de criadores de diversas regiões do Rio Grande do Sul.

Comercialização

Uma das grandes atividades comerciais que irá acontecer durante a programação da Agrovino que acontecerá até o dia 12, é o "Rematão", leilão que será realizado pela empresa Brasil e Tavares Agronegócio, que até o momento tem mais de 1,5 mil animais confirmados. Conforme a empresa, o “Rematão” representa o grande envolvimento dos produtores da região para a comercialização dos rebanhos. O remate irá ocorrer no dia 10, a partir das 15h, na Associação Rural de Bagé, durante a 12ª Agrovino. A expectativa é que este número seja ainda maior até a data do evento. Para os produtores de outros municípios, a empresa destaca que o encontro será transmitido ao vivo através do canal Agro Vídeo no YouTube, e o link poderá ser encontrado na página do Facebook da Brasil & Tavares.

Jurados

Como espaço para apresentação do que é feito em termos de aprimoramento genético das raças ovinas, a Agrovino já é uma das principais pistas gaúchas do segmento. Neste ano, conforme divulgação da Associação Brasileira de Criadores de Ovinos (Arco), os jurados de admissão dos exemplares serão: Gustavo Caringi de Oliveira Velloso e Joaquim Soares. Para a classificação, a lista é a seguinte: no Corriedale, Claro Francisco Félix Paim e Patrício Almonacid (CHI); na Romney Marsh, Mário Moglia Suñe e Clóvis Luiz Freitas Machado; nas raças Merino Australiano, Ideal, Hampshire Down, Texel, Suffolk, Ovinos Naturalmente Coloridos, José Galdino Garcia Dias. Na Ile de France, Fabrício Wollmann Willke e, na raça Crioula, Gustavo Caringi de Oliveira Velloso.

Fonte: Jornal Folha do Sul